comercial@dominiuminfo.com.br
(16) 3627-9889
O que é e como escolher: Capex ou Opex?
Você sabe o que são o Capex e o Opex e como eles influenciam diretamente a tomada de decisões em matéria de investimento da sua empresa?
Postado em 20/12/2019
    Compartilhe:

Hoje nós vamos conversar sobre esses dois modelos e como garantir que você tome a decisão correta e selecione o mais indicado para a sua organização.

Como sempre, nosso artigo visa trazer o assunto de maneira leve e sem técniquês excessivo. A nossa intenção será sempre passar as informações de maneira rápida de ler e prática para utilizar no dia a dia.

Boa leitura!

Veja também: EQUIPE DE TI – COMO SE BENEFICIAM COM O ALUGUEL DE EQUIPAMENTOS

Conheça quais são as definições de CAPEX e OPEX

CAPEX significa capital expenditure, diz sobre os investimentos em bens de capital, também chamada de despesas de capital. É o que a empresa adquire fisicamente, um computador, por exemplo. O OPEX - operational expenditure - diz sobre às despesas operacionais. Por exemplo, a empresa adquirir um computador buscando investir em atualização e capacitação.

Para simplificar: no CAPEX, as despesas são utilizadas na compra de bens ou serviços físicos. Já o OPEX lida com o aluguel inteligente de bens e a prestação dos serviços.

Mas não se preocupe, hoje nós conversaremos sobre Capex e Opex e como fazer a escolha correta para a sua empresa. Vamos lá:

Como funciona o Capex e o Opex na prática

Vamos começar com um exemplo, imagine que sua empresa comprou uma máquina e depois de muito uso precisou fazer manutenções. O investimento na máquina relaciona-se ao CAPEX. Por outro lado, os recursos destinados à instalação, mão de obra e manutenção estão dentro do OPEX.

Os serviços de assinatura como Spotify/iTunes são exemplos de OPEX. Em resumo, enquanto há o pagamento de mensalidades há uma disponibilidade de bens e serviços, nesses casos citados: bibliotecas de músicas e filmes (no caso do Itunes). Percebeu? No OPEX lidamos com aluguel inteligente de bens e serviços.

Também é possível para uma empresa trocar o investimento em CAPEX pelo investimento em OPEX. Uma das formas de fazer é por meio do outsourcing. Calma, vamos explicar.

Ao invés de comprar um notebook (Capex) a empresa pode aluga-lo de uma empresa terceirizada (outsourcing) e pagando mensalidade pela prestação do bem (Opex).

Mais informações sobre OPEX e como ele pode ajudar na sua empresa

O operational expenditure fala sobre às despesas operacionais, pagamentos destinados às atividades de gestão de produtos e serviços. É um aluguel de bens ou mensalidades para a prestação de serviços.

É importante destacar que as despesas operacionais podem ser deduzidas dos impostos no mesmo ano da realização.

Vejamos exemplos de desembolsos ligados ao OPEX que são dedutíveis dentro da categoria de despesas operacionais:

  • Reparos e manutenções dos equipamentos;
  • taxas de licença, como certificações;
  • publicidade ou serviços de comunicação;
  • honorários e serviços de advocacia;
  • taxas de seguro;
  • taxas administrativas sobre propriedade;
  • gastos com transporte, matérias-primas e folha de pagamento.

Saiba mais: COMO O ALUGUEL DE EQUIPAMENTOS AUMENTA A SEGURANÇA DIGITAL DA SUA EMPRESA

Investir em CAPEX ou em OPEX?

Em estratégia de investimento é vantajoso transformar o CAPEX em OPEX, ou começar um processo como OPEX desde o primeiro dia.

Ou seja, substituir um gasto que está em CAPEX (obtenção de equipamentos) em OPEX (locação dos mesmos), o mesmo para o outsourcing de T.I, entre outras questões.

Leia também: COMO AUMENTAR A PRODUTIVIDADE DA EMPRESA COM O ALUGUEL DE EQUIPAMENTOS

Quais são vantagens e as desvantagens do CAPEX e do OPEX

Para dedução de impostos e taxas sobre os lucros, o OPEX leva vantagem ao CAPEX.

Pois, mesmo que a empresa tenha um grande investimento na aquisição de um equipamento, a dedução de impostos será de um percentual pequeno de todo o custo e só acontecerá no ano da compra.

Em contrapartida, o valor pago pelo empréstimo do equipamento está categorizado como gasto operacional, sendo incluído no funcionamento diário da empresa. Podendo ser deduzido todo o montante gasto naquele ano.

Poder deduzir despesas representa uma redução dos impostos sobre o lucro líquido. Também existe a vantagem do que é chamado “valor temporal do dinheiro”. Funciona da seguinte maneira: se o gasto com capital é de 5%, é vantajoso economizar R$ 100,00 agora, do que um pouco mais no próximo ano.

Há ainda muitas outras vantagens além da dedução de impostos. Se a empresa desejar aumentar os proventos e o valor contábil, pode-se realizar despesas de capital e deduzir uma porção menor como gasto. O que resulta em ativos com maior valor de mercado (balanço patrimonial) e lucros líquidos maiores – o que pode ser usado para relatar aos investidores.

Segredos de gestão: COMO O ALUGUEL DE EQUIPAMENTOS PODE AJUDAR VOCÊ NA REDUÇÃO DE CUSTOS DA SUA EMPRESA

Palavras finais sobre as vantagens de utilizar o CAPEX e o OPEX

A forma OPEX tem vantagens mais evidentes, pois:

  • Flexibiliza os custos, aumentando o capital disponível para outros investimentos;
  • Reduz os financiamentos (pois estes ficam diluídos ao longo do tempo

No fim do dia, a melhor arma para fazer os investimentos corretos é a informação, só irá garantir que as suas decisões estejam sempre destinadas ao sucesso.

Para obter mais informações como essa, assine a nossa Newsletter abaixo. Estamos sempre trazendo artigos e novidades que são cruciais no mercado competitivo moderno.

Ficou com dúvidas ou gostaria de obter mais informações? Entre em contato conosco por meio do e-mail: comercial@dominiuminfo.com.br. Nossa equipe está preparada para conversar com você sobre todas as qualidades do Outsourcing e de como o OPEX poderá trazer benefícios para a sua empresa.

Comente com o facebook

Notícias mais vistas
As vantagens e desvantagens da automação de serviços
A importância do outsourcing em T.I. na economia circular
Vantagens que a locação de T.I. gera às empresas
Video Wall: A nova aposta do mercado para atrair clientes